Segunda, 24 de Julho de 2017

Última atualização01:43:52 PM GMT

Você está aqui: FDIM Reunião sub-regional da FDIM traça calendário de 2015
Banner

Reunião sub-regional da FDIM traça calendário de 2015

E-mail Imprimir PDF
reunião quito reduzida

Organizações sul-americanas e do Caribe filiadas à FDIM se reuniram em Quito, capital do Equador, para debater a realidade continental das mulheres e a agenda da entidade internacional em 2015, quando a FDIM completa 70 anos.

Cerca de 11 organizações de mulheres oriundas de cinco países latino-americanos se reuniram na capital equatoriana, Quito, entre os dias 26 e 27 de novembro. Lideranças representando os movimentos feministas e de mulheres do Brasil (União Brasileira de Mulheres e Confederação de Mulheres do Brasil), Cuba (Federação de Mulheres Cubanas), Peru (União Popular de Mulheres Peruanas), Argentina (Organização Não Governamental “Juanita Moro”) e Equador (Associação de Mulheres Nela Martínez; Movimento de Mulheres Pela Vida; Fundação Sembrando; Comunidade Bahai; e Associação Escola de Sociologia), além da coordenadora da Oficina Regional, a cubana Alícia Campos Pérez, debateram a realidade das mulheres latino-americanas, os processos eleitorais da região, o funcionamento da Oficina Regional para América e Caribe da Federação Democrática Internacional da Mulheres (FDIM) e a agenda da entidade para 2015.

VI Conferência e aniversário da FDIM

As participantes debateram os temas que deverão pautar a VI Conferência Regional da América e Caribe da FDIM, a ser realizada entre os dias 6 a 10 de abril de 2015 em Havana, Cuba. Como não poderia deixar de ser, após 20 anos da realização da IV Conferência das Nações Unidas Sobre a Mulher, realizada em Beijing, esta deverá ser alvo de escrutínio pela IV Conferência Regional da FDIM.

Na avaliação das presentes à reunião, em que pese a Conferência de Beijing tenha feito importantes apontamentos para os Estados no que tange ao enfrentamento às discriminações de gênero, suas resoluções estão ainda longe de serem integralmente cumpridas. Portanto, este deverá ser um dos temas da IV Conferência: um balanço crítico de Beijing + 20, sobretudo no que tangem os temas do trabalho, violência contra as mulheres, direitos sexuais e direitos reprodutivos, participação nas esferas de poder e educação.
Na opinião das participantes, ainda que a VI Conferência da FDIM aconteça depois da Assembleia das Nações Unidas que avaliará Beijing + 20, é importante que o movimento social faça seu próprio balanço crítico aprofundado acerca da realidade das mulheres no continente e no mundo.

Em 2015, a FDIM completará 70 anos e a Oficina Regional para América e Caribe (ORFDIM), 25. Coordenada pela Federação de Mulheres Cubanas e sediada em Havana, a ORFDIM será a sede da reunião do Comitê de Direção da FDIM, onde serão comemorados os dois aniversários entre os dias 27/11 e 2/12 de 2015. Na ocasião deverá ser lançada uma revista comemorativa dos 70 anos, contendo a história da entidade e os aportes das organizações nacionais para sua consolidação. As comemorações deverão ser precedidas de eventos locais alusivos ao aniversário da FDIM e da Oficina Regional ao longo de todo o ano.

Construção e fortalecimento da FDIM

Outro ponto debatido foi o funcionamento da FDIM desde suas afiliadas na região, com o fortalecimento da sua institucionalidade e de sua representatividade, sobretudo na América e Caribe, que passa pelo florescimento de processos nacionais populares, democráticos e de esquerda.

A reunião também aprovou uma ampla resolução de solidariedade internacional, cuja íntegra traduzida para o português disponibilizaremos em breve.

Clique aqui para acessar as fotos da Reunião Sub-regional da FDIM

De Quito, Mariana Venturini

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar